21 novembro 2006

Sensação no Campeonato Regional Sul

Pedro Duarte em traje de gala

Pedro Duarte foi a grande sensação da prova, ao levar o Peugeot 205 GTI ao lugar mais alto do pódio. Um singular triunfo do piloto que, para além de dominar nas duas rodas motrizes, inscreveu pela primeira vez o seu nome na lista de vencedores à geral.

Depois de várias tentativas, sobretudo nos dois últimos anos, Pedro Duarte, navegado por João Bento, viu finalmente chegada a hora de festejar uma vitória à geral no Regional Sul. O piloto de São Brás de Alportel, que utilizou o «jocker» na Super Especial e garantiu o melhor tempo entre o vasto pelotão presente, subiu à Serra de Monchique para lograr o «jackpot» nos «Casinos do Algarve».

Apostado somente em conquistar os louros entre os carros de duas rodas, Pedro Duarte foi ganhando a confiança necessária, especial após especial, e manteve o ritmo sem perder muito tempo para os mais directos opositores, nomeadamente as duplas João Monteiro/José Teixeira e Luís Mota/Ricardo Domingos, vencedores das primeiras especiais do segundo dia.

João Monteiro, que foi o piloto mais rápido nos troços de Alferce e Fóia, teve na Serra de Monchique um contratempo com o cronómetro. Por seu turno, Luís Mota, que em Castro Marim arrecadou o título de Campeão Regional, ainda tentou atacar o lugar mais alto do pódio, acabando, no entanto, por se afundar de forma irreversível na tabela classificativa.
Um furo na roda da frente esquerda do Mitsubishi Lancer Evo IV, logo no início da Fóia, complicou as contas do piloto do Cartaxo que, a sensivelmente cinco quilómetros do termo do troço, entendeu substituir o pneu e perder a carruagem da frente.

Quase irrepreensíveis estiveram Viana Martins e Paulo Costa. Depois de muito porfiar, a dupla do Opel Kadett GSI, literalmente ao ataque, viu esfumar-se o seu esforço no derradeiro «tira-teimas», cotando-se como a terceira equipa mais rápida pela margem mínima de duas décimas para os segundos classificados.
Um desfecho que retirou a Viana Martins e Paulo Costa o terceiro lugar absoluto no campeonato, ficando no entanto o sabor adocicado do segundo lugar entre os carros das duas rodas motrizes, sobretudo depois dos prematuros abandonos de Rui Chaparro/Pedro Conde (Renault Clio 16V), Eduardo Valente/João Lelo (Renault Clio Williams) e Rui Coimbra/Jose Dieguez (Opel Corsa), todos vítimas de despiste.

A «acelerar em casa», Hilário Jaime, navegado por Rui Serra, foi alvo de uma penalização de 30 segundos no início do segundo dia de prova, cotando-se como o quarto mais rápido à chegada ao pódio.
A dupla do Team JDF Motorsport Albufeira Todo o Ano, Paulo Nascimento/Osvaldo Maio, ao volante de um Ford Escort Cosworth, concluiu a prova na quinta posição, consolidando o segundo lugar absoluto no Campeonato, enquanto que a formação do Núcleo Desportos Motorizados de Leiria, Paulo Faria/Silvério Correia, conduziu o Peugeot 309 GTI ao sexto posto, cabendo a Paulo Jesus/Licínio Santos (Ford Sierra Cosworth) o sétimo lugar.

Bruno Andrade/Ricardo Barreto (Subaru Legacy Turbo 4WD), António Lampreia/Pedro Macedo (Ford Escort Cosworth) e Luís Mota/Ricardo Domingos (Mitsubishi Lancer Evo IV), terminaram nas oitava, nona e décima posições, respectivamente.

-----------------

Pedro Duarte - Declarações no fim da prova:
“O triunfo é fruto de muita concentração, atendendo a que as condições climatéricas eram muito difíceis. Depois de ter chegado à liderança na Super Especial, naturalmente que fui gerindo o andamento para não perder muito tempo para os carros de tracção integral. Como é do conhecimento geral, a minha grande luta passava por vencer nas duas rodas motrizes e o triunfo à geral acaba por ser o corolário da máxima concentração que impusemos desde o princípio. Ambas as vitórias são atribuídas aos nossos patrocinadores e a todos aqueles que sempre acreditaram no nosso projecto”...

1 comentário:

Nuno Carreira disse...

É pena como um Sãobrazense como o Prdro, ao ganhar a prova rainha do CRRS,não tem o reconhecimento das entidades do concelho, quando representa o que de melhor esta terra tem!!!
talvez se fosse algum caso polémico chamasse mais a atenção.