Sbras.Blog - O Jornalismo do Cidadão contra a Ditadura do pensamento único............................Publicação esporádica e ocasional que procura levar aos leitores informação sobre assuntos sociais, culturais, religiosos, políticos, desportivos, escolares, de saúde, de segurança, do património, do ambiente e outros, sobre o concelho de S. Brás de Alportel..................................Independente do poder politico e económico, aqui lê-se nos acontecimentos os sinais do tempo e presta-se atenção aos recantos mais ignorados.................................. Aqui ouve-se os anseios, aspirações ou queixas da população para a divulgação de informações e noticias de carácter não especializado........................................ Pseudo-jornalismo de Intervenção, de Proximidade e de Conveniência na defensa do interesse comum e o prestigio e desenvolvimento do concelho........................................Talvez por isso este seja único blog que a Câmara Municipal de S. Brás de Alportel não permite o acesso!...............................................

31 março 2007

Etiquetas:

São Brás exige nova estrada

Ligação a Faro é um calvário

Segundo o presidente da Câmara de São Brás de Alportel, quem mora em São Brás de Alportel e trabalha fora do concelho enfrenta diariamente ‘as passas do Algarve’, devido aos congestionamentos de trânsito.

Diz António Eusébio que percorrer o troço de nove quilómetros da EN2, entre a Vila e o Nó da Via do Infante, chega mesmo a demorar 40 minutos.

(É pena que o Presidente não se tenha lembrado deste argumento para salvaguardar a manutenção de outros Serviços Públicos no Concelho… Na altura de defender serviços de Saúde, da EDP ou de outros serviços públicos, os autarcas são-brasenses aceitaram que Faro apenas dista de S. Brás em 20 minutos).

Em entrevista ao Jornal Correio da Manhã, o Presidente da Câmara São-brasense considera que «A solução do problema implica a construção de uma nova via. O projecto está feito, mas falta a verba para a obra».

A nova estrada tem um custo estimado de 19 milhões de euros, mas o Plano de Investimento e Despesas de Desenvolvimento da Administração Central (PIDDAC) só prevê, para este ano, um milhão de euros.

(Não se vislumbra como poderá António Eusébio resolver este problema!?... A sua insensatez continua a leva-lo a usar obras que não são suas como promessas !... não admira que diariamente lhe sejam cobradas as promessas!... está-se a tornar difícil fugir às suas responsabilidades politicas!... Criaram-se expectativas… ganhou-se desilusões.

Fica aqui o registo das declarações de Eusébio em Outubro de 2003 ao Jornal do Algarve:

«...devo dizer que a ligação S.Brás/Via do Infante/Faro é das obras mais importantes para S. Brás ao nível das vias de comunicação. Falta-nos a ligação à Via do Infante e mesmo a ligação da Via do Infante a Faro. Hoje em dia, há centenas de são-brasenses que se deslocam diariamente para Faro e formam filas de mais de um quilómetro junto ao Coiro da Burra

«Temos feito pressão junto do Instituto de Estradas para resolver o problema e já solicitámos uma reunião ao ministro das Obras Públicas para chamar a atenção para a importância dessa nova estrada. A resposta que nos foi dada é que vai ser adjudicado o projecto de execução, portanto talvez lá para 2008 ou 2009 a ligação possa ser assegurada».
)

O autarca são-brasense voltou a adiantar que já solicitou uma reunião ao Governo para desbloquear problemas como o do impasse do sistema multimunicipal de tratamento de esgotos e da construção da nova ligação de S. Brás à via do Infante.

(Ficaremos atentos aos resultados da dita reunião… mais sabendo nós, que em nada resultará!... Mais uma Utopia Eusébiana!)

A EN2 tem grande movimento, diz Eusébio – até porque boa parte da população da São Brás trabalha em Faro – o que “gera diariamente filas de trânsito com várias centenas de metros de comprimento”. Além disso, “todos os meses registam-se acidentes graves naquele troço”.

A construção da nova via, considerada pelo autarca de estratégica para o desenvolvimento do município, arrasta-se há vários anos.

O projecto elaborado pela Estradas de Portugal prevê a ligação de S. Brás de Alportel até à zona do Mercado Abastecedor de Faro. Por resolver resta ainda o troço desde o mercado até à cidade de Faro, onde se circula também a passo de caracol.

(Muito ainda há a fazer antes da construção desta via ter o seu inicio... Cá para nós que ninguém nos ouve/lê, esta é mais uma noticia fabricada pelo GIDI da Câmara Municipal… provavelmente para responder às criticas lideradas por este blog!... Fica aqui o registo!)

Etiquetas:

FICA 2007

Em Abril, São Brás de Alportel recebe o FICA 2007, 35º Festival Internacional de Cinema do Algarve.

Dedicado ao cinema francês, o ciclo conta com quatro películas a exibir no Cine-Teatro São Brás, aos domingos, pelas 21h30.

Assim, a 1 de Abril, é exibido o filme “La Moustache”, Amor Suspeito. No dia 15 de Abril é a vez de “Dans Paris”, Em Paris; uma semana mais tarde “Nobody Knows”, Ninguém Sabe. Para finalizar, a 29 de Abril, é a vez de “Le Dernier Trappeur”, O Último Caçador.

Todos os filmes estrearam em Portugal no passado ano de 2006.

Etiquetas: ,

30 março 2007

Roberto Nobre

104º aniversário do nascimento

aqui afixa-se uma cronologia "mínima" da vida e da obra de Roberto Nobre:

1903 – Nasce a 27 de Março, em São Brás de Alportel, José Roberto Dias Nobre.

1919-1920 – Colabora no periódico Alma Lusitana de Faro.

1920 – Funda no Algarve, juntamente com outros amantes do cinema, uma produtora cinematográfica de parcos meios financeiros: a Gharb-Film

1922 – Conhece Ferreira de Castro, iniciando com este uma forte e duradoura amizade.

1923 – Expõe em Lisboa, pela primeira vez, os seus quadros numa mostra partilhada com Isaura Cavalheiro.

1925 – Elabora ilustrações para os periódicos Batalha e ABC.

1926 – No dia 28 de Maio, Salazar sobe ao poder, dando início ao regime totalitário a que Nobre se opôs durante toda a sua vida.

– Nobre fixa-se em Lisboa e emprega-se na empresa Singer, onde trabalhou no domínio da publicidade.

– Colabora como ilustrador na revista Civilização, fundada por Ferreira de Castro.

1934 – Começa a publicar ensaios sobre cinema no jornal O Diabo.

1937 – Ilustra a edição de Pequenos Mundos e Velhas Civilizações, de Ferreira de Castro

1938 – Ilustra A Selva de Ferreira de Castro.

1939 – Publica Horizontes do Cinema, que ainda hoje é uma obra de referência dos estudos cinematográficos em Portugal.

1940 – Por questões ideológicas, recusa um convite “generoso” para participar na Exposição do Mundo Português, o que lhe valerá a antipatia do Estado Novo.

1946 – Publica O Fundo – Comentários ao Projecto da Nova Política de Cinema em Portugal, texto apreendido pela Censura do Regime.

1964 – Publica na Portugália a obra Singularidades do Cinema Português.

1969 – Morre em Lisboa, a 27 de Setembro.

1972 – É publicada postumamente a obra Cervantes ou Ontem e Hoje com Dom Quixote.


-----------------------------------------

Roberto Nobre e a sua amizade com Ferreira de Castro


Transcrevesse aqui um excerto de um texto de Filipa Palma (que em 2003 era aluna do 11º ano da E. S. de São Brás de Alportel) sobre o tema em epígrafe. O texto completo encontra-se no livrinho Roberto Nobre: Fragmentos de um Legado.

“Roberto Nobre e Ferreira de Castro eram dois tecelões de sonhos literários e artísticos, sonhos que se ligavam aos seus anseios de fraternidade e justiça. Segundo Ferreira de Castro, foram companheiros nas alegrias e nas dores e só no fim das suas vidas os elos que os uniam se quebraram. Afirmou o autor de A Selva que, com o desaparecimento de Nobre, alguma coisa morrera dentro nele para sempre.

Ferreira de Castro vivia então da escrita que produzia para diversas publicações. Quando Nobre chegou a Lisboa, Castro solidarizou-se com ele e pediu aos directores dos jornais para encarregarem o jovem sambrasense das ilustrações dos seus trabalhos. Mas a ligação entre os dois prolongava-se para lá do trabalho. Todas as noites Ferreira de Castro e Roberto Nobre se reuniam com Assis Esperança numa pastelaria da Avenida da Liberdade, quando esta estava deserta. No verão sentavam-se ao ar livre, à mesa de uma esplanada de raros clientes onde pouco dinheiro despendiam. Em conjunto sonhavam não apenas com o seu futuro artístico, mas também com uma sociedade justa para todos os homens. Além disso, noite após noite, com uma persistência elevada, Nobre decorou o pequeno gabinete de trabalho que Ferreira de Castro tinha na Rua do Diário de Notícias, no número 44. […]

Roberto Nobre teve então um casamento precoce que dificultou ainda mais a sua vida. Assim empenhou-se arduamente, redobrou os seus esforços quotidianos, trabalhando desesperadamente em várias revistas que a Bertrand publicava na altura. […]

Algum tempo depois, o lar de Nobre desmoronou-se e ele voltou ao convívio antigo com Ferreira de Castro. Ilustrou, então, um livro de Ferreira de Castro intitulado Pequenos Mundos e Velhas Civilizações, como já dez anos antes havia ilustrado a Epopeia do Trabalho. Mas com o passar do tempo a actividade de ilustrador foi dando lugar à de ensaísta, que se tornou dominante. À crítica de cinema juntou a de artes plásticas, onde, segundo Ferreira de Castro, triunfou também. […]”

Ricardo António Alves editou e publicou o livro: Ferreira de Castro e Roberto Nobre: Correspondência, 1922-1969, Lisboa, C. M. de Sintra, 1994. Na fotografia estão, claro está!, os dois artistas, A foto foi retirada da revista «Eva», de 1953, mas reporta-se a duas décadas antes, na esplanada da «Veneza», onde se situava a tertúlia deles. «A tertúlia dos anarquistas», como alguns a denominavam...

Etiquetas: ,

Dia Mundial das Florestas


São Brás de Alportel promoveu no Dia Mundial das Florestas, a 21 de Março, a plantação de árvores nas escolas do 1º ciclo do concelho, no sentido de sensibilizar professores e alunos para a importância deste pequeno gesto.

“Plante uma árvore, cultive um sonho” foi o desafio lançado aos são-brasenses. Durante três dias, de 21 a 23 de Março, foram disponibilizadas à população, gratuitamente, no Mercado Municipal, 500 árvores: sobreiros, azinheiras, pinheiros mansos e pinheiros do alerpo, para que todos pudessem juntar-se à iniciativa e plantar árvores.

GIDI CM SBA

Etiquetas:

50 anos de construção europeia


São Brás de Alportel celebrou, no passado dia 25 de Março, a passagem de 50 anos sobre a assinatura do Tratado de Roma, símbolo de união, prosperidade e paz.

Na tarde de domingo, o Largo de São Sebastião acolheu um programa comemorativo que teve início com o toque do Hino da Europa, pela Banda “Filarmónica de São Brás”, da Associação Cultural e Recreativa Escola de Música Sambrasense, a que se juntaram momentos de música, pelo Grupo de Acordeonistas de São Brás de Alportel e de dança, pelo Rancho Típico Sambrasense.

GIDI CM SBA

Etiquetas:

29 março 2007

Rally de Portugal 2007 em S.Brás


O Rally de Portugal 2007 tem início no dia 29 de Março, no Parque das Cidades, com uma Prova Especial e percorre o Algarve, de 30 de Março a 1 de Abril.

O território de São Brás de Alportel integra o percurso da Prova e dispõe de uma Zona Espectáculo, provida de estruturas de apoio para o público bancadas, equipamentos sanitários e Bar.

Dia 30 | Sexta-Feira | 12h15 e 16h22

  • 1ª Passagem por S. Brás de Alportel | PE 4| 12h15
  • 2ª Passagem por São Brás de Alportel | PE 7 | 16h22

A autarquia fornece transporte, em autocarro municipal para assistir ao Rally na zona de espectáculo da Menta, com partidas, do Terminal Rodoviário, pelas 11h30 e 15h30 e regresso após a passagem do último automóvel, em prova.

Etiquetas: ,

Rally de Portugal - Acessos

SS/PEC - 4/7 S. Brás Alportel - 16,08 km
Onde assistir?

Sexta-feira, 30 de Março - S. Brás Alportel (16,08 km)
PEC 4 - 12h15 GMT | PEC 7 - 16h32 GMT


(clique na imagem para aumentar)


Zona Espectáculo 1
Acesso: 1 (4x4) | Visibilidade: 3 | Espectacularidade: 3

Acesso: 7,8 km em asfalto + 3,6 km em terra (4x4). Visibilidade enorme. Vê-se os concorrentes durante 1 km antes da ZE, colocada num cruzamento à direita a 90º após travessia do rio.Em Santa Catarina da Fonte do Bispo deixe a EN 270 e siga por asfalto, em direcção a Porto Carvalhoso. Reponha o parcial a zero no cruzamento. Aos 2,47 km encontra a placa de Porto Carvalhoso, continue por asfalto principal; ao km 5,54 encontra a placa de Bemparece; ao km 7,80, no cruzamento, vire à esquerda para estrada de terra, direcção Águas de Tábuas (sentido obrigatório, proibido continuar em frente pelo asfalto); ao km 8,31 vá em frente, pela esquerda (pista principal); ao km 8,78, junto à antiga aldeia, continue em frente/esquerda (pista principal); ao km 9,78, atravesse o riacho e continue na pista principal; ao km 10,73, na bifurcação, siga pela direita, a descer (pista principal); ao km 11,19 atravesse a linha de água e vire à esquerda; ao km 11,45 chega à ZE.


Zona Espectáculo 2
Acesso: 2 | Visibilidade: 2 | Espectacularidade: 2

Acesso: 7,2 km em asfalto + 3,2 km em terra (bom piso)
Visibilidade regular de zona rápida em planalto. Pontos fortes: lomba e “S” rápidos.Na EN2, sentido Faro/S. Brás de Alportel, na primeira rotunda, vire à direita em direcção de Tavira. Coloque o conta-quilómetros a zero. Ao km 1, na rotunda, siga em frente, direcção Tavira; ao km 1,75, na rotunda, vire à esquerda direcção S. Brás Alportel; ao km 2, na placa S. Brás Alportel, vire à direita, direcção Mealhas, junto ao Intermarché; ao km 2,95 encontra cruzamento, vire à esquerda; ao km 3,75 vire à direita, em direcção Arindo/Pico Alto; ao km 4,15, siga direcção Arindo/Pico Alto; ao km 7,20, na bifurcação, siga pela esquerda a subir, entrando em piso de terra. Atenção: não siga para Arindo. Ao km 8,75, na bifurcação, siga pela direita (pista principal). Atenção: não siga para Pêro de Amigos. Ao km 10,4 encontra a ZE.


Zona Espectáculo 3
Acesso: 3 | Visibilidade: 2 | Espectacularidade: 2

Acesso: 6,9 km em asfalto. Zona espectacular perto do miradouro da Ameixieira. Travessia do asfalto é o ponto mais interessante, porque vem na continuidade de uma descida rápida.Na EN2, sentido S. Brás Alportel/Barranco do Velho, reponha o conta-quilómetros a zero, junto à placa indicativa de Alportel. Ao fim de 300 metros, deixe a EN2 e siga em frente pela direita, em direcção de C. Muda / Javali / Parizes / C. Velho; aos 410 metros vire à direita, continua por asfalto principal; ao km 1,52, no cruzamento, siga em frente; ao km 4,52 encontra a placa indicativa de Cova da Muda; ao km 7,19 chega à ZE.


Zona Espectáculo 4
Acesso: 1 (4x4) | Visibilidade: 3 | Espectacularidade: 3

Acesso: 3,97 km em terra (só com 4x4)
Zona de planalto muito rápida, com um topo e um cruzamento em curva igualmente rápido.Na N2, sentido Sul/Norte, ao km 714, após Casa de Cantoneiros, reponha o conta-quilómetros a zero e vire à direita para estrada de terra. 760 metros depois encontra um cruzamento, vire à direita, em gancho; ao km 1,39, na bifurcação, siga pela esquerda (pista principal); ao km 1,81 esteja atento à navegação: deixe a pista principal e vire à esquerda, passe a linha de água e entre por uma subida íngreme; ao km 3,02, no cruzamento, siga em frente; ao km 3,97 encontra o troço.

Etiquetas: ,

28 março 2007

Dia Nacional dos Centros Históricos

No Dia Nacional dos Centros históricos, 29 de Março, o Município de São Brás de Alportel e a Associação Al-portel convidam a um Passeio pelo Centro Histórico, por ruas e ruelas com história, numa redescoberta do núcleo antigo da vila.

Mais uma edição desta iniciativa junta Câmara Municipal e Al-Portel, Associação de Defesa do Ambiente e do Património Cultural de São Brás de Alportel, com o objectivo de dar a conhecer o centro histórico, destacando a sua importância, como pólo dinamizador da vila.

Com ponto de encontro marcado às 18h30, no Largo de São Sebastião, o passeio levará os participantes a descobrir os encantos do antigo coração da vila, numa visita guiada, passo a passo, pelos caminhos do património do concelho, ao encontro dos elementos mais significativos da história de São Brás de Alportel.

Esta iniciativa servirá ainda para lançar uma nova edição municipal: o “Centro histórico de São Brás de Alportel, Roteiro no espaço e no tempo”, publicação que resultou de uma parceria entre o Município e a Associação Al-Portel, e que reúne, num formato simples e prático, um conjunto de informações que servem de guia a uma visita ao centro histórico.

Etiquetas:

PS e Águas do Algarve afinam estratégias

Em comunicado de imprensa o PS/Algarve fez saber que vários deputados socialistas reuniram ontem com a administração da Águas do Algarve.

Aldemira Pinho, Jovita Ladeira, Hugo Nunes, David Martins, Esmeralda Ramires e Manuel José Rodrigues, foram os elementos do PS que realizaram ontem uma reunião de trabalho com Artur Ribeiro, Presidente do Conselho de Administração, e Luís Faísca, Administrador da Águas do Algarve.

Desta reunião, os Deputados destacam:

• A garantia de que a construção da Barragem de Odelouca não implica o aumento da tarifa praticada pelas Águas do Algarve;
• A confirmação de que no Algarve é praticada a 2.ª tarifa mais baixa do País no abastecimento de água em “alta”;
A elevada taxa de cobertura do abastecimento de água “em alta” no Algarve, superior a 96%;

• Os objectivos definidos para a cobertura da Região ao nível do saneamento básico;
• O ambicioso plano de investimentos para os próximos anos que ultrapassam os 275 milhões de euros.

Na reunião forma também abordados temas como:
• A capacidade de abastecimento e reserva da Região;

• A estratégia de reutilização das águas residuais; • A certificação do produto “água”;
• A disponibilidade para intervir em “baixa” e a intenção de promover combate às perdas de rede; e ainda o
• Projecto: Águas do Algarve – Comunicações e produção de energia eléctrica.

Termina assim o comunicado : "PS e Águas do Algarve, juntos pela água".

Etiquetas:

27 março 2007

Rede de esgotos de S. Brás de Alportel

Impasse arrasta-se, obras paradas.

O concelho de São Brás de Alportel já devia estar ligado, há quase um ano, ao sistema multimunicipal de tratamento de esgotos. Mas a conclusão da rede tem esbarrado na falta de autorização da Estradas de Portugal para o atravessamento de três rodovias.

“Os esgotos deviam ter sido ligados ao sistema multimunicipal antes do Verão de 2006, passando a ser tratados na ETAR de Faro ”, referiu ao CM o presidente da autarquia de São Brás de Alportel, António Eusébio.

O processo sofreu um primeiro atraso com “a indefinição de se saber se o município de Faro aderia ou não ao sistema multimunicipal”. Resolvido este problema (com a adesão), tudo parecia bem encaminhado para que a ligação se efectuasse.

Só que para a rede chegar a Faro tem de atravessar três estradas nacionais – EN2, EN125 e Via do Infante. A concretização da obra, da responsabilidade da Águas do Algarve (que gere o sistema multimunicipal) implica a prévia autorização da Estradas de Portugal – o que “tarda em acontecer”.

Perante o impasse, António Eusébio – que quer ver o problema resolvido “até ao Verão” – solicitou uma reunião ao Governo.

O autarca adiantou que, entretanto, surgiram informações por parte da Águas do Algarve de que a solução do caso poderá estar para breve.

Enquanto isso não acontece, os esgotos continuarão a ser encaminhados para três ETAR existentes no concelho, as quais efectuam apenas o tratamento secundário e estão subdimensionadas para as necessidades.

Deficiências que geram maus cheiros e alguma poluição nas ribeiras de Alportel e Machados.

Etiquetas:

Etiquetas:

26 março 2007

Selecção feminina no Inter-Associações

A selecção feminina do Algarve inicia hoje a sua participação, pela primeira vez, no Torneio Inter-Associações de Futebol de Sete na categoria de Sub 17.

O baptismo das jovens algarvias far-se-á diante da selecção do Porto (10H30) seguindo-se, na parte da tarde, o jogo com Portalegre.

Quarta-feira (10H30) tem lugar o Guarda-Algarve.A Associação de Futebol do Algarve vai participar pela primeira vez na sua história no Torneio Inter-Associações de Futebol de Sete Feminino, no escalão de Sub-17, prova que se inicia hoje em Lisboa e termina sexta-feira com a realização da derradeira jornada para atribuição da classificação final.


De referir que a equipa representativa da nossa região é formada com base nas atletas das equipas de futsal das equipas de juniores femininos.
O trabalho para este Torneio Inter-Associações foi realizado pelo Departamento Técnico da AF Algarve nas últimas cinco semanas, tendo realizado cinco treinos de preparação sob a orientação de Paulo Xabregas e Inês Fernandes. Em termos de calendário, a selecção do Algarve está inserida no Grupo B conjuntamente com as Associações da Guarda, Porto e Portalegre.

Calendário dos jogos – 1ª Fase
Porto / Algarve (dia 27 às 10H30) Portalegre / Algarve (dia 27 às 17H30) Guarda / Algarve (dia 28 às 10H30)

Jogadoras seleccionadas:

Guarda-redes: Maria Beatriz Alves (Machados) e Joana Guerreiro (Centro de Alte). Defesas: Filipa Coelho (Centro de Alte), Raquel Parreira (Centro de Alte), Neide Ramos (Casa do Benfica de Faro), Maike Lopes (União de Lagos). Médios: Micaela Lopes (Centro de Alte), Sara Ferrão (Padernense), Joana Gouveia (Casa do Benfica de Faro), Carolina Damasceno (Casa do Benfica de Faro) e Márcia Vicente (Silves). Avançados: Petra Guerreiro (União de Lagos), Jessica Pimenta (Padernense) e Liliana Machado (Núcleo Sportinguista de Faro).

Chefia a comitiva, José Manuel Prata, vice-presidente da AF Algarve. Outros elementos: Pedro Moreira (coordenador técnico), Paulo Xabregas (treinador), Inês Fernandes (treinadora-adjunta), Hélder Batista (secretário técnico) e Natália Fernandes (massagista).

Etiquetas: ,

25 março 2007

Taça Portugal DownHill - 2007

Documentário sobre a 1.ª Prova
Reportagem da RTP 2
Cerro do Botelho - S. Bras de Alportel






Etiquetas: ,

Ao som do Hino da Europa

A iniciativa "O que nos toca" desafiou, este fim-de-semana, centenas de bandas, um pouco por todo o país, a tocar o Hino da Europa em simultâneo.

O objectivo era realizar uma festa em torno de um dos mas conhecidos símbolos da Europa - o hino, parte da Ode à Alegria, composta por Beethoven em 1823. A
Banda Filarmónica de São Brás foi uma das 240 bandas que, a nível nacional, assinalaram o Dia da Europa. O local escolhido para a actuação foi o Largo de S. Sebastião. A música é conhecida como “O Hino da Alegria”, mas é também um dos mais emblemáticos símbolos europeus.

Foi em 1971 que os estados-membros escolheram a composição de Beethoven como Hino da União Europeia. O poema que habitualmente acompanha o ultimo andamento da 9ª sinfonia de Beethoven é uma ode à alegria, à humanidade e à fraternidade.

“Abracem-se milhões. Enviem este beijo para todo o mundo” – é esta a mensagem do Hino da União Europeia.

Etiquetas:

24 março 2007

Miradouro na serra


O novo miradouro da Cabeça do Velho
é inaugurado hoje, às 15h30

Trata-se do quarto miradouro construído pela Câmara Municipal, depois do Miradouro do Alto da Arroteia, das Castanhas e do Alto da Ameixeira.

O sítio de Cabeça do Velho, no extremo norte acolhe o novo Miradouro. Um novo espaço de lazer na zona serrana do concelho, para desfrutar da magnífica paisagem sobre a Serra Algarvia.


A obra de Construção do Miradouro da Cabeça do Velho, adjudicada à firma Sérgio Caiado Raminhos e Filhos, pelo valor de cerca de 27 mil euros, integrou espaço de estadia, zona de estacionamento (17 lugares) e espaço para merendas.

O projecto de criação deste novo espaço integra o Plano de Prevenção de Fogos Florestais da Câmara Municipal de São Brás de Alportel, co-financiado pelo Programa Comunitário Agris 3.4.

Etiquetas:

Rally de Portugal

já roda em 3D


Enquanto prossegue a contagem decrescente para o início do Vodafone Rally de Portugal, no próximo dia 29 de Março, o Instituto Geográfico do Exército põe à disposição de todos a visualização em 3D dos duros percursos que os pilotos terão de experimentar no Algarve e Alentejo, naquele que se prevê seja um regresso em grande da prova portuguesa ao calendário do WRC.

Tavira, Serra de Tavira, S. Brás de Alportel, Silves/Ourique, Ourique, Almodôvar, Loulé/Almodôvar e Loulé são as especiais do Vodafone Rally de Portugal que os cibernautas podem desde já apreciar na Internet.

Basta para tal aceder à página criada pelo Instituto Geográfico e escolher a etapa que se pretende visionar em três dimensões.(clica na imagem acima)

Para além da simulação em 3D, num quadro ao lado é possível visualizar o percurso de cada especial, para além de outras informações como, por exemplo, a distância da tirada.

Etiquetas: ,

Taça de Portugal em futsal

“Zezão” Dias a caminho da final-four

A Juventude Desportiva das Fontainhas, onde joga o atleta sambrasense “Zezão Dias”, chegada aos quartos de final, está apenas a um jogo da Final Four da Taça de Portugal em futsal, situação inédita para o Algarve. A turma algarvia das Fontainhas joga este sábado (16H00) em Vila Real de Trás-os-Montes diante da Associação UTAD.

Qualquer que seja o resultado, para a Juventude Desportiva das Fontainhas, fica o registo, singular, de ter sido a primeira equipa algarvia que mais longe foi na prova.

Os quartos de final da Taça de Portugal em futsal nunca antes foi atingido por alguma formação da nossa região e se a tal feito juntarmos o curto período em que este conjunto abraçou o futsal (seis anos) então estamos perante um caso raro no presente e quiçá no futuro.

Etiquetas: ,

23 março 2007

São Brás acolhe campanha ambiental


“Separar Vai Colar”, a campanha de sensibilização ambiental da responsabilidade da Sociedade Ponto Verde, que premiou, na edição de 2006, 1600 portugueses, estará na loja Intermarché de São Brás de Alportel, entre 29 e 31 de Março.

Durante estes 3 dias, uma equipa de monitores da Sociedade Ponto Verde, devidamente identificada com o distintivo da acção, estará disponível para abordar os clientes e dar-lhes a conhecer a mecânica da iniciativa que já conquistou os são-brasenses.

Etiquetas:

III Torneio de Futsal Feminino Juniores

A equipa feminina da Casa do Benfica de Faro foi a grande vencedora do III Torneio de Futsal Feminino Juniores, prova integrada nas comemorações do Dia Internacional da Mulher, e promovida pela Freguesia da Sé, em Faro.

A equipa do GDC Machados ficou em segundo lugar, seguida da equipa do Núcleo Sportinguista de Faro.

Na quarta posição ficou a equipa CAAF Alte, seguida da Checul Quarteira, e em sexto lugar ficou a equipa CD Areias de São João.

Elisabete Guerrreiro, da Casa do Benfica, ganhou o título de melhor marcadora, e Jessica Dias, do Núcleo Sportinguista, o de melhor guarda redes.

A equipa GDC Machados foi distinguida pelo fair-play.

Etiquetas: ,

Morreu atropelado ao fazer exercício

Foi colhido por um veículo ligeiro de mercadorias

O exercício físico foi fatal para Amílcar Manuel dos Santos Ferreira, de 38 anos, natural de Vale Chã (Pombal) e residente em São Brás de Alportel. Morreu anteontem num acidente de viação, cerca das 20h00, na Estrada Nacional 270, na variante a São Brás de Alportel, colhido por um ligeiro de mercadorias, conduzido por um estrangeiro, quando seguia numa bicicleta de montanha.

O cunhado, José Silva, explicou ao CM que “anteontem, ao fim da tarde, o Amílcar chegou a casa vindo do trabalho, numa obra de construção civil em Faro, e resolveu ir dar uma volta de bicicleta”, conta este familiar, que recorda a sua última conversa com o cunhado. “Uns dias antes da tragédia disse-lhe, a brincar, que tinha de fazer ginástica, pois estava a ganhar barriga e o Verão estava a chegar.”

Amílcar Ferreira foi visto a encher de ar os pneus da sua bicicleta de montanha, que raramente utilizava. “Disse à mulher que ia dar uma volta, mas já não regressou”, afirmou, emocionado, o cunhado.

Na variante a São Brás de Alportel, entre a rotunda nascente e a estrada para Faro, Amílcar Ferreira sofreria o embate violento de um veículo ligeiro.

“Foi colhido por trás e na berma, numa via tão larga, com uma berma com um metro, e projectado quase cem metros”, diz José Silva, que reconhece o perigo de a bicicleta não ter luz (apenas um reflector) e de o cunhado vestir uma camisola escura. Mas, refere, “não percebo a razão de o condutor nem ter travado a viatura”.

"TINHA UMA VIDA ESPECTACULAR"

Amílcar Ferreira era casado e pai de duas filhas, com 18 e 14 anos, ambas estudantes. “Tinha uma vida espectacular”, confidenciou ao CM José Silva. “O meu cunhado Amílcar era estucador de profissão, mas tomava obras de subempreitada, tendo sempre uma dezena de homens sob as suas ordens”, explica. Residia em São Brás de Alportel há cerca de vinte anos, onde comprou um lote de terreno e construiu a sua residência. A filha mais velha esteve no Porto, esta semana, numa visita de estudo pela escola E.B. 2,3 poeta Bernardo de Passos. “A professora que acompanhou os alunos já foi avisada, mas a jovem só vai saber da morte trágica do pai, que adorava, quando hoje [ontem]chegar a São Brás de Alportel”, explica José Silva.

in: Correio da Manhã - Teixeira Marques

Etiquetas:

22 março 2007

Bicicleta colhida por Carrinha

na Nova Variante a Sul da Vila de S. Brás de Alportel

Um morto é o resultado de uma colisão ocorrida no final da tarde de ontem (21/3), na Variante Sul da Vila de S. Brás entre as rotundas dos Barrabés e o Posto de Abastecimento do Salgadinho. O acidente envolveu um veiculo transporte mercadorias (carrinha) e uma bicicleta que circulavam no mesmo sentido.

De acordo com o Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro, o acidente ocorreu cerca das 19:20, tendo a carrinha embatido contra a traseira da bicicleta, provocando a morte do seu condutor que foi projectado mais de cem metros..

O sbras.blog conseguiu entretanto apurar que a vítima mortal (identificado como A.F.) é um jovem de 38 anos, residente nas Almargens, casado e com 2 filhos menores. A vítima seguia na bicicleta na berma da estrada e foi colhida por trás pela carrinha. Apesar dos estragos na carrinha, o condutor de nacionalidade estrangeira saiu ileso do acidente.

Excesso de velocidade, falta de luzes de presença e a má iluminação deste trecho da circular sul poderão estar na origem do acidente. Cabe agora ás autoridades policiais apurarem as circunstâncias.


--------------------------------------------


Ciclista atropelado em estrada sem iluminação
Camião bateu na bicicleta, condutor do velocípede morreu no local


Um ciclista de 38 anos morreu atropelado quarta-feira à noite quando circulava numa estrada sem iluminação na localidade de Hortas e Moinhos, concelho de São Brás de Alportel.

Segundo fonte da GNR-BT de Albufeira, o ciclista foi abalroado pela traseira por um veículo de transporte de mercadorias, conduzido por um homem de 48 anos, natural do Reino Unido, mas residente no Algarve.

O acidente ocorreu cerca das 20:00 na Estrada Nacional 270, ao quilómetro 43, via que não tem iluminação, precisou a GNR-BT de Albufeira.

Adiantou ainda que o ciclista faleceu no local, mas escusou-se a dizer se levava colete reflector.

As autoridades já abriram um inquérito para investigar as causas do acidente.

in: Observatório do Algarve

Etiquetas:

Jovem investigador São-Brasense

Dário Passos Ganha prémio Calouste Gulbenkian

Dário Passos, do Centro Multidisciplinar de Astrofísica do IST (CENTRA), com o projecto SEI – Sun Earth Interaction sobre a previsibilidade do ciclo solar, e Nuno Lourenço, do Centro de Química e Física Molecular da UTL/IST, com o projecto Desenvolvimento de Têxteis Condutores/ Inteligentes baseados em Polímeros, venceram dois dos Prémios Gulbenkian de apoio à investigação portuguesa.

Dário Passos venceu na categoria Ciências da Terra e do Espaço, enquanto Nuno Lourenço ganhou na secção de Química Sustentável. Os galardões inserem-se no Programa Gulbenkian de Estímulo à Investigação, e destinam-se a investigadores que trabalham em instituições portuguesas, cuja idade não seja superior a 30 anos.

A área de investigação está situada no interface entre a Astrofísica Solar e as Ciências Terrestres, com o objectivo de, com o auxílio do modelo padrão solar, poder encontrar uma explicação para os fenómenos solares que dão origem às alterações da energia emitida pelo Sol.

Uma vez compreendidos estes fenómenos poder-se-ão fazer previsões quanto à actividade solar, cuja importância é relevante para as indústrias de telecomunicações e aeroespacial. Uma tempestade solar, dá origem a elevados fluxos de energia que quando chegam à Terra podem interromper o funcionamento de satélites, afectar redes de distribuição eléctrica e pôr em perigo a vida de astronautas que estejam em órbita.

Esta linha de investigação está a começar também a ser implementada por outros centros mundiais de investigação como a ESA ou a Agencia de Energia dos E.U.A. O início deste grupo de investigação sediado no IST, poderá assim contribuir para uma área de investigação que irá ser de crucial importância num futuro próximo em termos nacionais e internacionais.

A entrega dos prémios teve lugar no dia 19 de Março ao final do dia numa cerimónia organizada na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa.

Etiquetas:

21 março 2007

«Tree Parade 2007»

Escola de São Brás recebe lançamento do concurso


A Escola Poeta Bernardo Passos, em São Brás de Alportel, vai receber o lançamento do concurso «Tree Parade 2007» e a apresentação do «Guia de Educação Ambiental: conhecer e preservar as florestas», hoje, às 10h30, data em que se comemora o Dia Mundial da Árvore.

O «Tree Parade 2007» é um concurso inédito que se desenvolve no âmbito da Defesa da Floresta Contra Incêndios.

Tem como objectivo incutir nas crianças e nos jovens a sensibilidade para a floresta e seus recursos e alertar a população escolar para a problemática dos incêndios florestais.

Neste projecto vão participar centenas de alunos de 77 escolas de todo o país, que terão que dar uso à imaginação e criatividade para adornar uma árvore.

Os trabalhos finais serão expostos, avaliados, sujeitos a uma votação e os três mais originais receberão os respectivos prémios, aprovados pelo júri nacional.

O «Guia de Educação Ambiental» é um auxiliar didáctico para professores e educadores no apoio à preparação de aulas e a projectos educativos desenvolvidos no meio escolar e por eles orientados e dinamizados, no âmbito dos espaços e recursos florestais.

Levar a floresta aos jovens para levar os jovens à floresta, formando-os no respeito pelos recursos naturais e florestais, sensibilizando-os para a prevenção dos incêndios florestais e desafiando-os a conhecerem melhor este importantíssimo recurso natural renovável são alguns dos desafios para os quais este Guião pretende contribuir.

Rui Nobre Gonçalves, secretário de Estado do Desenvolvimento Rural e das Florestas, e Valter Lemos, secretário de Estado da Educação, estarão presentes.

Estas duas iniciativas, promovidas pela Direcção-Geral dos Recursos Florestais (DGRF), estão integradas nas comemorações da Semana Florestal e contam, por isso, com a presença do Sub-Director Geral dos Recursos Florestais Paulo Mateus, a quem caberá a abertura da cerimónia e a apresentação do «Tree Parade».

Teresa Evaristo, sub-directora Geral de Inovação e Desenvolvimento Curricular, fará a apresentação do «Guia de Educação Ambiental», enquanto parceira da DGRF na edição do manual.

Etiquetas:

20 março 2007

Feira do Livro

Vem aí mais uma edição da Feira do Livro de S. Brás de Alportel.
21 a 23 de Março 2007

Etiquetas:

19 março 2007

Downhill - Taça de Portugal 2007 (S. Brás)

Etiquetas: ,

18 março 2007

Crónicas da minha terra…

O Xeriff de S. Brás City

Num dia destes, não muitas luas atrás, o nascer do sol revelava mais um episódio caricato do dia a dia na pacata vila de S. Brás de Alportel.

O parque de estacionamento localizado na Rua Jornal o Sambrasense, que serve muitos dos são-braseses que não encontram lugar para estacionar na Avenida da Liberdade, estava encerrado.

Uma empresa de construção de um conhecido e reconhecido jovem são-brasense ia dar inicio a construção de mais uma das suas famosas obras de arte imobiliária, e achou-se no direito de vedar por sua iniciativa e sem qualquer autorização, mais de 2/3 do parque de estacionamento.

Como se isto não bastasse, uma outra empresa de construção civil são-brasense que se encontra a construir no local aquele que será o primeiro prédio de habitação em S. Brás a ser atravessado por uma estrada ligará a Avenida da Liberdade até Rua Serpa Pinto no exacto local onde existia o armazém que a Câmara demoliu abruptamente, decidiu vedar o restante espaço do estacionamento publico por considerar que tinha os mesmos direitos da empresa concorrente.

Os dois empresários da terra conseguiram mesmo impedir o acesso ao maior parque de estacionamento do concelho. Situação que gerou o descontentamento dos comerciantes da zona e dos populares que entretanto tentavam entrar no parque de estacionamento, agora transformado em estaleiro de obras. Em poucos minutos a entrada do parque de estacionamento passou a beco sem saída, impedindo os carros que tentavam entrar no parque de inverter a marcha e transformando a área num congestionamento que chegou a ter uma vintena de carros.

Indignados com esta ocupação abusiva dum espaço público, os comerciantes da zona optaram por chamar a GNR local, até porque a confusão gerada pelos carros bloqueados naquela artéria estava a tornar-se caótica.

Lá apareceu a GNR, a patrulha lá foi descongestionando a entrada do estacionamento, ajudando os motoristas a saírem daquela artéria da vila, enquanto o comandante do posto ficou a auscultar as queixas dos comerciantes locais.

Perante a insistência dos comerciantes e populares para que fossem removidas as barreiras colocadas pelos construtores civis que impediam o acesso ao estacionamento e a recusa dos mesmos em as retirar justificando a necessidade de terem um espaço para servir de estaleiro às suas obras, O Comandante do Posto da GNR local assumiu a sua incapacidade para resolver o assunto e optou por telefonar ao Presidente da Câmara Municipal para vir resolver a situação.

António Eusébio, sempre disponível para mediar este tipo de conflitos, não tardou a aparecer no local, ouviu cada um dos empresários da construção civil, ouviu os comerciantes locais e alguns influentes cidadão anónimos. Após breve conversa com o Comandante do Posto da GNR ditou a sua sentença:

- Divida-se o estacionamento em três.

- Uma parte será para o jovem empresário fazer o seu estaleiro, e outra para a “velha guarda” para a população a terceira parte continuará a servir de estacionamento.

- A vedação das áreas de estaleiros das obras deverão permitir a circulação dos automóveis dentro do parque de estacionamento.

Faça-se cumprir.

E assim foi, dez minutos depois António Eusébio já tinha deixado as imediações, o Comandante do Posto assumia funções de vigilância ao cumprimento da sentença e os Construtores Civis cumpriam a deliberação sem demoras.

Satisfeito o povo ficou apenas com uma dúvida:
Afinal quem é o Xeriff cá da terra?...

Leitor Identificado

Etiquetas:

Freguesia de Alportel

Comemoração do 1.º Aniversário

Etiquetas:

Casa do Benfica de S. Brás

Corpos Sociais tomaram posse

Os corpos sociais da casa do Benfica de S. Brás de Alportel que tinham sido eleitos no dia 9 de Fevereiro tomaram posse no passado dia 16 na sede social daquela associação.

Na presença do Vice Presidente da Assembleia Geral Dr. Mouzinho Eusébio por ausência da Presidente os diversos elementos assinaram o termo de posse na Sala de reuniões da associação.

Na ocasião o Presidente da Direcção João José Martinho dirigente associativo à longos anos, lembremos que foi um dos pilares ao longo de mais de uma década do excelente trabalho desenvolvido na Sociedade 1º de Janeiro usaria da palavra para incentivar todos os colegas dirigentes para por em prática ideias e projectos que visam desenvolver e dinamizar a Casa do Benfica de S. Brás de Alportel, apostando no consenso e no trabalho de grupo como aliás o fez sempre enquanto dirigente desportivo.

O Dr. José Mouzinho, o Eng. Joaquim Guerreiro, Anselmo Saraiva e o Dr. Amável Dionel bem como Daniel Horta salientaram a satisfação de fazerem parte deste projecto não só como adeptos do clube da águia mas sobretudo para que S. Brás de Alportel tenha uma Casa do Benfica que dignifique todos os associados e adeptos e orgulhe o concelho de S. Brás de Alportel

Etiquetas:

17 março 2007

Autarquia Homenageou

Evocando a memória de todas as mulheres que ao longo do tempo, deram a sua voz e a sua vida à construção de um mundo mais justo e inclusivo, o Município de S. Brás de Alportel prestou homenagem em Sessão Solene Comemorativa no passado dia 10 de Março a 8 mulheres sambrasenses.

Oito mulheres que deixaram no passado a marca das suas vidas. Oito mulheres que são um exemplo de talento e de empenho, de generosidade e de altruísmo, de entrega e de serviço aos outros. Oito mulheres que são o Rosto da Mulher São-Brasense, que no Passado e no Presente, desempenha o papel principal no desenvolvimento do concelho de São Brás de Alportel


Segundo a autarquia estas 8 mulheres merecem ter o seu nome gravado na História .E para deixar às gerações do futuro este valioso legado do passado, os seus nomes foram atribuídos a algumas artérias e espaços públicos de São Brás de Alportel.


Apresentadas pela Dr.ª Teresa Oliveira as razões e o perfil das homenagens a Professora Clotilde S. Oliveira e Sousa, à benemérita Lucília Sancho, benemérita Maria Bárbara Louro, à professora Maria José Figueiredo, à actriz Mariana Vilar, à benemérita Rosa Passos Pinto à escultora Rosalina de Passos e à pintora Virgínia de Passos.


A D. Maria Belchior leu o
poema mulher, poema de sua autoria de homenagem à mulher e ainda antes da entrega de uma placa evocativa aos familiares das homenageadas o Presidente da Assembleia Municipal Dr. Correia Martins e o Presidente da Autarquia Eng. António Eusébio evocaram as qualidades das homenageadas e as razões porque 150 anos volvidos a luta pela igualdade de direitos entre homens e mulheres, por uma sociedade mais justa e mais solidária, continua actual e necessária, para que juntos, todos possamos construir um futuro melhor, com todos e para todos.

--------------------------------------

Neta de Homenageada
arrasa politica cultural
concelhia


Durante a entrega das placas comemerativas a edilidade foi pedindo aos familiares das homenageadas um pequeno discurso ao microfone. Graça Passos, neta de uma das homenageadas, literalmente aproveitando que tinha o microfone na mão, deu um arraso na politica cultural da autarquia são-brasense tão grande, tão grande que se António Eusébio e Vitor Guerreiro tivessem um buraco por perto, tinham enfiado a cabeça. Ficou no ar o recado à edilidade e a sua politica de "desiducação" cultural, onde a quantidade não tem o sinónimo de qualidade.

(Clica na imagem para aumentar)

Etiquetas:

«Las Guitarras Locas»

Com Raimund Engelhardt
no Museu de São Brás

O grupo «Las Guitarras Locas» vai dar um concerto no domingo, dia 18, às 18 horas, no Museu do Trajo de São Brás de Alportel.

O grupo, formado por João Cuña e Luis Fialho, terá como convidado o percursionista Raimund Engelhard (tablas e cajon), em mais uma sessão da iniciativa «Jazz Club Museu de São Brás». No final do espectáculo, haverá uma jam-session, com convidados surpresa. Depois do lançamento do 1º CD de «Las Guitarras Locas» em 2002, João Cuña, Luis Fialho e Raimund Engelhardt (músico convidado) lançam agora um novo trabalho: «Guitarra Tejo».

Etiquetas:

16 março 2007

A Saúde em debate na Assembleia Municipal de S. Brás de Alportel


O SAP de S. Brás de Alportel estava condenado a encerrar mais tarde ou mais cedo em virtude da idade dos médicos.

O Dr. Rui Lourenço Administrador Regional de Saúde veio no passado dia 27 de Fevereiro à Assembleia Municipal de S.Brás de Alportel explicar as razões das alterações efectuadas no Algarve no que concerne aos cuidados de Saúde na região e particularmente em S. Brás de Alportel.

O Presidente da ARS explicou exaustivamente aos autarcas daquele órgão e aos presentes as alterações lavadas a efeito e os objectivos e soluções que foi explanando na sua intervenção. Apoiado depois pelo Director do Centro de Saúde Dr. Carlos Sousa e pelo Dr. Renato Santos membro eleito pela CDU na Assembleia Municipal e que se demarcou daquela coligação em relação há tomada de posição da CDU em relação ao centro de saúde de S. Brás de Alportel.

Nas palavras do Dr. Rui Lourenço os SAP nunca funcionaram como deve ser visto que nunca foram um serviço permanente, tendo agora com as alterações os utentes acesso ao Serviço de Urgências Básico que cobre todo o território algarvio e pautando-se por mais e melhor atendimento. Com as estes serviços a funcionar 24 horas em Vila Real de Santo António, Loulé, Albufeira e Lagos apoiados pelo Hospital de Faro e Hospital do Barlavento, salientaria ainda entre muitos outros pontos que as decisões foram partilhadas e discutidas com todos os profissionais de saúde e autarcas embora estes alguns não concordem com as alterações explicando sempre qual era o objectivo e a boa fé das propostas, felizmente a pratica tem vindo a demonstrar que a ARS e as alterações introduzidas lhes tem dado razão.

O Dr. Renato Santos médico de família no Centro de Saúde de S. Brás de Alportel, começou por se demarcar do comunicado da CDU que critica as alterações operadas no Centro de Saúde com o encerramento do SAP e afirmou apoiar esta reestruturação sendo uma das mais importantes operadas no Centro de Saúde de S.Brás, segundo o Dr. Renato Santos alguma coisa tinha de ser feita e este Ministro em comparação com outros não tem comparação, visto que o que está a ser feito tem finalmente cabeça tronco e membros, satisfaz os profissionais e está a dar-nos vontade de trabalhar com mais entusiasmo visto que podemos ver os resultados do nosso esforço, e é muito positivo para a população de S. Brás de Alportel, diria mesmo que se “achasse que por algum momento que as alterações fosse negativas para a população de S. Brás de Alportel e os seus doentes seriam prejudicados, era o primeiro a encabeçar qualquer manifestação contra estas alterações.

O Dr. Carlos Sousa Director do Centro de Saúde começaria por dizer que este ano num mês recebeu mais reclamações do que no ano passado todo, e todas tem a ver com o encerramento do SAP, o Dr. Carlos Silva diria mesmo que o SAP de S. Brás de Alportel respondia mal à falta de trabalho dos médicos, deu mesmo o seu exemplo de quando não estava ao serviço os seus doentes recorriam ao SAP, agora tem mais responsabilidade já que os médicos trabalham todos os dias de segunda a sexta e antes tinham um dia dedicado ao SAP e caso seja necessário tem consultas de tarde para atender todos os doentes e responder às exigências.

O nosso objectivo segundo afirmou o Dr. Carlos Silva é que os doentes tenham em 48 horas consulta havemos de lá chegar, o ano passado uma consulta esperava um mês já vamos em 3/4 dias. Além disso é preciso ver que os médicos a começar pelo exemplo dado pelo Dr. Renato Santos acrescentando mesmo que os médicos do Centro de Saúde tem mais de 50 anos e os médicos aos 54 anos tem de deixar de fazer urgências pelo que dentro em pouco deixaria de qualquer modo de existir SAP em S. Brás de Alportel acabando esta por se extinguir por falta de médicos mais tarde ou mais cedo.

É difícil explicar à população que gostava de ter um médico ao Domingo às 6 da tarde e hoje não tem é difícil explicar que o serviço de ambulatório que agora criamos nos parece melhor, o que gostaríamos era que lá fora percebessem que o serviço está melhor . O ponto fraco desta remodelação é de facto o internamento é das áreas que hoje aqui ninguém nos deu respostas.

in Notícias de S. Braz, - dê sua opinião

Etiquetas:

Passeio Cultural


(clique na imagem para aumentar)

Etiquetas:

TV Cabo lidera reclamações no Algarve


Tv Cabo, Wall Street Institute e o Grupo PT Comunicações são entidades que deixam os algarvios com nervos em franja. A garantia é da DECO, no Dia Mundial do Consumidor.

A propósito do Dia Mundial do Consumidor, comemorado ontem, a delegação do Algarve da Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (DECO) revelou o nome das entidades sobre as quais mais consumidores se queixaram no ano de 2006, com a TV Cabo no topo da lista.

Em 2006, a DECO Algarve recebeu 547 reclamações, das quais 34 foram destinadas aos serviços da TV Cabo.

Com 33 reclamações seguem-se o Centro de Inglês de Faro, Lda. & Wall Street Institute e o Grupo PT Comunicações.

Na lista constam também os nomes da ONI Telecom, Palme II / Key Club, EDP, TMN, Clix, Intertravel, Almotor, Markcenter e Afinsa.

Ainda no Algarve, a associação acrescenta que empresas de venda de automóveis, empresas de construção civil e lavandarias, mais especificamente a LAVEX e “Lava e Cose”, foram as entidades que menos se mostraram disponíveis para resolver situações de violação de legislação respeitante aos direitos dos consumidores.

A nível nacional e no âmbito da participação da DECO em processos de mediação de conflitos, a entidade destaca a Marckcenter, a Halcon Viajens, a Ibéria, a Konseitos e a Acashop / Arcadia, como as empresas que se revelaram indisponíveis para o diálogo, de forma a alcançar um consenso na solução das queixas apresentadas pelos consumidores.

Etiquetas:

Encontro Nacional sobre Orçamento Participativo


Hoje vai ter lugar no Cine Teatro Municipal de São Brás de Alportel o 1.º Encontro Nacional sobre Orçamento Participativo. Pretende-se reunir as experiências de OP existentes no nosso país, incluindo a de São Brás de Alportel, e também partilhar com todos os actores interessados as potencialidades e limites deste dispositivo de participação cidadã. Inscreva-se nos contactos no Projecto São Brás Solidário .

PROGRAMA

09h00 – Acolhimento dos participantes
09h30 – Mesa de abertura
10h00 – 1º Painel: Construção de uma democracia mais participativa
Experiências de São Brás de Alportel e Palmela
Moderador: Jorge Wemans (Director de Programas do Canal 2/RTP)
11h00 – Pausa Café
11h30 – Debate
12h30 – Almoço

14h30 – 2º Painel: Potencialidades e limites da participação cidadã
Experiências de Carnide, Aljezur, Tomar*, Alcochete*, Aljustrel*, Alvito*
Moderador: pessoa a confirmar
15h30 – Debate
16h30 – Pausa Café
16h45 – Síntese final (Prof. Boaventura Sousa Santos)
17h30 – Mesa de encerramento

Associação Nacional de Municípios
Associação Nacional de Freguesias
Associação de Municípios do Algarve*

Etiquetas:

15 março 2007

A Saúde em Debate

Administração Regional de Saúde veio à
Assembleia Municipal explicar alterações

O Presidente da Administração Regional de Saúde esteve presente na Assembleia Municipal no passado dia 27 de Fevereiro. Rui Lourenço veio a S. Brás explicar as mudanças da política de saúde regional e responder as questões que os deputados municipais pudessem colocar.

Com cerca de uma vintena de sambrasenses a assistir (os habituais e alguns funcionários do centro de saúde) Rui Lourenço explicou que o caminho a seguir é a Unidade de Saúde Familiar (USF) com mais horas para os médicos estarem mais disponíveis para os seus doentes. A par com as USF´s vão aparecer a UBU's (Unidade Básica de Urgência) , haverá uma em Loulé e estará equipada com o material e meios humanos para resolver muitas das "Urgências" que congestionam o Hospital de Faro. Quanto ao SAP de S. Brás disse que tinha que fechar e que com isso ganha-se mais disponibilidade para os médicos verem os seus doentes.

Presente na Sala da Assembleia Carlos Sousa o Director do Centro de Saúde de S. Brás, após convite de Rui Lourenço explicou as mudanças no centro de saúde, garantiu que o acesso as consultas dos respectivos médicos de família é mais fácil e que os são-brasenses que não tem médico tem uma consulta aberta também. Terminou assegurando que sabe que nem tudo esta a funcionar bem, mas que há medida que os problemas forem identificados serão resolvidos dentro do conceito da USF que eventualmente se irá tornar.

Terminados os esclarecimentos, Rui Lourenço e Carlos Sousa mostraram-se disponíveis a responder as dúvidas que os deputados municipais eventualmente pudessem ter.

Da bancada Social Democrata, Tomás Nunes e Ivo Tomé quiseram saber como ia ficar a particular situação da Unidade de Internamento de S. Brás. e foi-lhes dito que por enquanto fica tudo como está, a funcionar com 10 camas, mas eventualmente irá fechar. Rui Lourenço explicou que as USF's não tem unidades de Internamento. A particularidade do Centro de Saúde estar em casa arrendada à Sta Casa de Misericórdia ( por 600 contos/mês) tem impedido a ARS de negociar com outras IPSS (instituições privadas) a criação de uma Unidade de Internamento em S.Brás de iniciativa privada, uma vez que a Sta Casa de Misericórdia já manifestou o seu desinteresse nessa matéria.

À questão sobre se achavam realmente que a população tinha ficado melhor servida com o encerramento do SAP e natural congestionamento do SAP de Loulé ou do Hospital de Faro, foi respondida com a revelação que a UBU de Loulé não está a funcionar, arrancará em Abril, e que em caso de Urgência os São-brasenses devem dirigir-se ao Hospital de Faro.

Quanto ao INEM possuir capacidade de dar uma resposta atempada aos São-brasenses, Rui Lourenço disse que o INEM respondeu a cerca de 700 chamadas no concelho de São Brás durante 2006, o que corresponde em média a cerca de 2 chamas por dia, o que não constitui uma dificuldade aos meios disponíveis pelo INEM.

Da bancada da coligação CDU/Verdes Renato Santos não fez qualquer questão à sua entidade patronal.

Da bancada da maioria Socialista, apenas falou Ilídio Viegas. Usou da palavra na qualidade de deputado da Assembleia para ver esclarecidas suas questões pessoais. Numa clara violação do Regimento da Assembleia Municipal Ilídio Viegas quis ver esclarecida a recusa feita ao seu pedido para internar o seu sogro, entretanto falecido, na Unidade de Internamento de S. Brás. E acabou mesmo por acusar o deputado da CDU Renato Santos de na qualidade de médico do sogro, o ter abandonado para morrer na rua. Ilídio Viegas terminou a sua intervenção dizendo que motivo porque Renato Santos não tinha internado o seu sogro era por este pensar que o sogro também era do partido socialista mas que se tinha enganado porque ele era membro do partido comunista, exibindo ao mesmo tempo o cartão de militante do PCP do seu falecido sogro.

A resposta veio da parte do Director do Centro de Saúde, Carlos Sousa disse que já tinha tido a oportunidade de explicar por diversas vezes ao Sr. Ilídio que no momento em que tinha solicitado o internamento do seu sogro, não havia vagas no internamento, as camas estavam todas ocupadas não era possível internar mais ninguém naquela altura. E que não compreendia as acusações agora feitas ao Dr. Renato Santos quando ele tinha sido o primeiro a tentar diligenciar o internamento do sogro do Sr. Ilídio, que não foi possível porque o número de camas é limitado.

Antes de terminar o Debate na Assembleia Municipal sobre o Estado da Saúde no Concelho, houve ainda tempo para Renato Santos pedir a palavra para informar Ilídio Viegas que as suas afirmações terão a resposta devida na altura devida.

No meio disto tudo, realçamos a postura do Presidente da Câmara de S. Brás de Alportel durante o debate. António Eusébio permaneceu, sereno, tranquilo, esclarecido, sem duvidas não se fez ouvir nem sequer notar.

Conclusão

O Centro de Saúde vai passar a ser uma Unidade de Saúde Familiar, vocacionada para a prestação de Cuidados Primários de Saúde.

O fecho do SAP é definitivo. Para assistência urgente os São-Brasenses devem deslocar-se ao Hospital de Faro até que a Unidade Básica de Urgência de Loulé entre em funcionamento.

A Unidade de Internamento será fechada no decorrer deste ano.

Etiquetas:

Creative Commons License

Estado do Tempo, Gralheira, SB Alportel

E-mail

Firefox 2

Firefox 2

Solidariedade

O nosso Clone?
  • Alma-Algarvia
  • (na versão Câmara Municipal)

  • GDC Machados
  • UDR Sambrasense
  • Grátis

    Grátis

    Depósito do Calvin

    Snoopy

    Tiras do Zero

    Locations of visitors to this page

    Firefox 2

    Get Firefox!

    Alternative Browser Alliance

    StopIE.com - Stop Internet Explorer

    Powered by Blogger

    Local Blogs - Blog Top Sites

    ecoestadistica.com